Uma pergunta bastante polêmica e controversa é a seguinte: a fumaça do incenso faz mal? Se pudermos responder esta pergunta de maneira justa, uma boa proposição seria: tudo em excesso faz mal. Entretanto, é importante fazer algumas considerações em relação à fumaça liberada pelos incensos, cujo uso pode ser bastante saudável.

Faz mal queimar incensos?

É muito relativo pensar sobre este assunto. Os adeptos e fãs de incensos afirmam que os consomem e seu uso traz apenas benefícios. Os médicos não afirmam que a fumaça do incenso faz mal, mas eles recomendam cautela ao se utilizar estes objetos para aromatizar seus ambientes.

Os possíveis malefícios seriam irritação das vias aéreas e problemas respiratórios relacionados à inspiração de gases frutos de combustão com fogo. Por isso o indicado seria queimar incensos duas ou três vezes por semana, para que não se acumule a fumaça.

Entretanto, é importantíssimo ressaltar que nós consumimos produtos que nos fazem mal todos os dias e muitas vezes sequer sabemos. Como, por exemplo, os defensivos agrícolas presentes em frutas e hortaliças saudáveis e os conservantes utilizados nos alimentos industrializados. No caso de quem fuma, sabe que faz mal, e ainda assim, não deixa de fumar.

Temos que assumir: incenso é queimado, é fumaça; portanto, libera monóxido de carbono (CO) e dióxido de carbono (CO2), gases presentes na atmosfera que, em altas concentrações, podem causar problemas respiratórios. Entretanto, basta sair à rua e ver o trânsito – a fumaça está em todo lugar. Se você consome incensos em algumas vezes por semana, de maneira ordenada e sem excessos, a fumaça do incenso nunca te trará qualquer malefício, principalmente quando comparamos isto a outros hábitos de nosso dia a dia. A fumaça do incenso vem de compostos naturais, o que faz com que ela seja muito mais pura e menos maléfica ao corpo.

Para que não restem dúvidas, trazemos neste texto algumas dicas para que você possa consumir os seus incensos sem que faça qualquer mal à sua saúde. Siga nossos conselhos e aproveite todos os benefícios mentais, corporais e espirituais que esta arte pode trazer à sua vida!

Dicas para consumir incensos

Cuide da qualidade do produto que você está comprando. Prefira incensos que sejam completamente naturais e que possuam a autorização da Anvisa para serem comercializados no Brasil.

Se você é uma pessoa alérgica ou com baixa imunidade, incensos podem te fazer mal. Use com cautela.

Evite queimar incensos o dia todo. Deixe para os momentos necessários e sinta toda a energia que eles trazem.

Nunca queime incensos em lugares fechados. Prefira lugares amplos, arejados, e não fique muito próximo ao queimar do incenso.

Busque sempre o equilíbrio e consuma incensos com responsabilidade.